E AÍ JANDIR BELINI TÁ ESCONDENDO?

como é que pode isso, Jandir? alguém pode me responder? o ex-diretor da Codetran, condenado por ENGANAR a prefeitura de Itajaí na gestão passada (segundo a condenação, ele falsificava os boletos da Univali pra dizer que pagava mais do que realmente pagava) e que virou diretor nos primeiros dias da administração Jandir Bellini, continua trabalhando normalmente (?) na Codetran, subordinado ao grande defensor das leis, secretário Carlos Ely (da Segurança — que faz o que mesmo?) e ao supra-sumo dos comissionados Zé (?). o Juiz o condenou. ele recorreu. foi mantida a condenação, e isso tudo, num país onde, sabemos, a Justiça é lenta, porém, a “justiça” de Jandir Bellini, para com os seus, é mais lenta ainda, pois, desde 2009, ninguém ouve falar do processo administrativo contra Manerich, que deveria pedir sua exoneração ou não. ou seja, Manerich pode ser PRESO (condenado à dois anos!) por ter enganado a prefeitura de Itajaí, mas, como faz parte dos amigos de Jandir, continua no seu cargo efetivo (ah sim, ele foi exonerado do cargo comissionado só quando a condenação judicial ficou muito na cara e não puderam mais esconder o fato), mas, POR QUE ENTÃO EXONERARAM-NO DO CARGO COMISSIONADO?????por que acham mesmo que ele errou? provavelmente sim. o que o prefeito Jandir acha disso? algum jornalista com coragem pra perguntar? o que o secretário Carlos Ely, da Segurança, acha disso? algum jornalista com coragem pra perguntar? o Zé, todo mundo sabe o que ele vai responder, então, nem precisa perguntar.

 

mas, agora, depois de uma CONDENAÇÃO, deve-se sim perguntar ao prefeito o que ele fará com esse absurdo. porém, sabemos, com essas viagens todas da imprensa pra Espanha, Oriente Médio, sabemos que estas perguntas provavelmente não acontecerão. é a Itajaí sorridente prometida pelo prefeito, mas, como dito antes e durante e depois, o sorriso é só para os seus, mesmo os condenados por enganar a povo de Itajaí. abaixo, trecho da coluna do JC deste final de semana:

Sentaram em cima? O agente de trânsito da Co­detran Peterdione Manerich foi condenado por estelionato contra o município de Itajaí. Recorreu da sentença e a condenação foi mantida: seis meses e um ano de cadeia, pena revertida em pres­tação de serviços à comunidade. O que não se entende é a sindi­cância aberta pela Procuradoria, que deve estar embaixo da bunda de um procurador, ou na gaveta, pegando pó. Ou sei lá, entende?
Fato O Manerich alegou em sua de­fesa que foi vítima de persegui­ção política, já que apoiou o atual prefeito Jandir Bellini (PP) e não o anterior Volnei Morastoni (PT). Só que ele fraudou documentos públicos, lesou o erário quando do pagamento pelo município da mensalidade na Univali. A con­denação em si não o afasta da função pública. A sindicância frente à condenação, sim.
Tem mais… A defesa do agente, hoje psicó­logo, alegou que seria persegui­ção porque tem mais uma raça que fez a mesma marmotagem e passou batido. O que não o exi­me por ter feito a sacanagem e surrupiado a grana pública por seis oportunidades consecutivas. Tá provado e comprovado pela ação transitada em julgado. Há quem diga que estão segurando porque, a partir de abril, pela legislação eleitoral não se pode mais exonerar. Será?
Muralha da China As línguas afrouxadas espa­lham que se for finalizar a sindi­cância, tem mais uns 14 na fila, que fizeram o mesmo rolo, alo­jados em outros cargos na atual administração, além de fazerem parte de partidos aliados. É im­pressionante que a investigação, que pediu pela saída do Márcio Sagaz, andou rápido. Já outras, andam a passos de tartaruga anê­mica… (…)como é que pode isso, Jandir? alguém pode me responder? o ex-diretor da Codetran, condenado por ENGANAR a prefeitura de Itajaí na gestão passada (segundo a condenação, ele falsificava os boletos da Univali pra dizer que pagava mais do que realmente pagava) e que virou diretor nos primeiros dias da administração Jandir Bellini, continua trabalhando normalmente (?) na Codetran, subordinado ao grande defensor das leis, secretário Carlos Ely (da Segurança — que faz o que mesmo?) e ao supra-sumo dos comissionados Zé (?). o Juiz o condenou. ele recorreu. foi mantida a condenação, e isso tudo, num país onde, sabemos, a Justiça é lenta, porém, a “justiça” de Jandir Bellini, para com os seus, é mais lenta ainda, pois, desde 2009, ninguém ouve falar do processo administrativo contra Manerich, que deveria pedir sua exoneração ou não. ou seja, Manerich pode ser PRESO (condenado à dois anos!) por ter enganado a prefeitura de Itajaí, mas, como faz parte dos amigos de Jandir, continua no seu cargo efetivo (ah sim, ele foi exonerado do cargo comissionado só quando a condenação judicial ficou muito na cara e não puderam mais esconder o fato), mas, POR QUE ENTÃO EXONERARAM-NO DO CARGO COMISSIONADO?????por que acham mesmo que ele errou? provavelmente sim. o que o prefeito Jandir acha disso? algum jornalista com coragem pra perguntar? o que o secretário Carlos Ely, da Segurança, acha disso? algum jornalista com coragem pra perguntar? o Zé, todo mundo sabe o que ele vai responder, então, nem precisa perguntar.

 

mas, agora, depois de uma CONDENAÇÃO, deve-se sim perguntar ao prefeito o que ele fará com esse absurdo. porém, sabemos, com essas viagens todas da imprensa pra Espanha, Oriente Médio, sabemos que estas perguntas provavelmente não acontecerão. é a Itajaí sorridente prometida pelo prefeito, mas, como dito antes e durante e depois, o sorriso é só para os seus, mesmo os condenados por enganar a povo de Itajaí. abaixo, trecho da coluna do JC deste final de semana:

Sentaram em cima? O agente de trânsito da Co­detran Peterdione Manerich foi condenado por estelionato contra o município de Itajaí. Recorreu da sentença e a condenação foi mantida: seis meses e um ano de cadeia, pena revertida em pres­tação de serviços à comunidade. O que não se entende é a sindi­cância aberta pela Procuradoria, que deve estar embaixo da bunda de um procurador, ou na gaveta, pegando pó. Ou sei lá, entende?
Fato O Manerich alegou em sua de­fesa que foi vítima de persegui­ção política, já que apoiou o atual prefeito Jandir Bellini (PP) e não o anterior Volnei Morastoni (PT). Só que ele fraudou documentos públicos, lesou o erário quando do pagamento pelo município da mensalidade na Univali. A con­denação em si não o afasta da função pública. A sindicância frente à condenação, sim.
Tem mais… A defesa do agente, hoje psicó­logo, alegou que seria persegui­ção porque tem mais uma raça que fez a mesma marmotagem e passou batido. O que não o exi­me por ter feito a sacanagem e surrupiado a grana pública por seis oportunidades consecutivas. Tá provado e comprovado pela ação transitada em julgado. Há quem diga que estão segurando porque, a partir de abril, pela legislação eleitoral não se pode mais exonerar. Será?
Muralha da China As línguas afrouxadas espa­lham que se for finalizar a sindi­cância, tem mais uns 14 na fila, que fizeram o mesmo rolo, alo­jados em outros cargos na atual administração, além de fazerem parte de partidos aliados. É im­pressionante que a investigação, que pediu pela saída do Márcio Sagaz, andou rápido. Já outras, andam a passos de tartaruga anê­mica… (…)

por romulo mafra

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: