SC: Renato Simões pede união contra Colombo e os Bornhausen

 

Olá, companheiros e companheiras do PT de Santa Catarina! É um grande prazer me dirigir a vocês para defender a candidatura do nosso companheiro Claudio Vignatti a presidente estadual do PT.
Este é um momento muito rico do debate. Estamos em vias de decidir não só os novos dirigentes do PT, mas de eleger delegados e delegadas ao V Congresso.
No V Congresso vamos debater um tema chave para o Brasil e para Santa Catarina. De que forma o PT pretende compor o seu projeto nacional e um segundo governo Dilma mais avançado que o primeiro, com base em reformas democráticas e populares com a convivência em um leque de alianças que contraia esses nosso objetivo.
Em muitos estados, o PT derrotou e quebrou as perspectivas de futuro das principais oligarquias regionais. Ainda demos uma sobrevida à oligarquia Sarney com o apoio que emprestamos, equivocadamente, ao governo de Roseana Sarney.
A luta do PT nacional por mudanças no Brasil, mudanças de caráter democrático e popular não pode conviver com uma política de alianças com partidos que sabotam essas nossas propostas macro para o país.
Santa Catarina não pode ser a experiência de convivência com uma oligarquia regional nefasta como a dos Bornhausen. É de se lamentar que setores do PT defendam a candidatura do governador Colombo à reeleição, desconhecendo a nossa contradição em termos com seu governo e com aquilo que os Bornhausen representam na política de Santa Catarina e na política do Brasil. Afinal foi Jorge Bornhausen quem enunciou, numa das maiores crises políticas já vividas pelo nosso partido, a disposição das elites, que ele representa, de banir o PT da vida política por décadas.
Esta mudança de setores do Democratas para o PSD não muda a natureza do governo Colombo muito menos da oligarquia Bornhausen.
O debate que fazemos em Santa Catarina é muito nítido. Queremos um projeto do PT para Santa Catarina. Nosso companheiro Vignatti tem percorrido o estado fazendo plenárias regionais, discutindo as vocações de cada região de nosso estado, discutindo o futuro de cada setor social, apresentando uma perspectiva democrática e popular de governo.
Por isso, defendemos a candidatura própria do PT ao governo do estado, coerente com esse projeto do petista para Santa Catarina. O instrumento que apresentamos para esse objetivo é a candidatura de Claudio Vignatti a presidente estadual do PT.
Peço seu voto à minha candidatura à presidente nacional do PT. 170. Na nossa chapa nacional: É pela esquerda que queremos o Brasil, número 270. Mas, peço que essa aliança, de várias forças políticas, que apoiam Claudio Vignatti a presidente estadual do PT de Santa Catarina, possa contar também com seu apoio, com sua participação e com seu voto.
É desta forma que teremos um palanque forte para a presidente Dilma aí no estado de Santa Catarina. O nosso palanque, um palanque democrático e popular coerente com nossos objetivos nacionais.
Um grande abraço a todos e a todas. Muito obrigado.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: