Archive for novembro \16\UTC 2015

Governo do PT fez mais de 170 obras em Itajaí: em 04 anos!

novembro 16, 2015

 

COMEÇANDO PELO BAIRRO FAZENDA

1 – Policlínica aberta até às 22h e construção da rampa para deficientes físicos;

2 – Implantação da casa de apoio social;

3 – Conclusão do teatro municipal: som, ar e iluminação;

4 – Dragagem do ribeirão Sheneider, até a segunda ponte;

5 – Manutenção da dragagem do saco da fazenda;

6 – Construção da capela ecumênica do cemitério;

7 – Pavimentação asfáltica e drenagem pluvial na rua Edmundo Souza  Cunha;

8 – Conclusão da praça Genésio Miranda lins;

9 – Revitalização da praça do Expedicionário (relógio do sol);

10-Acesso pavimentado ao morro da Antena;

11-Regularização fundiária do loteamento Padre Jacob;

12-Implementação do programa escola Aberta na Escola Básica Gaspar da Costa Morais;

13- Implementação da  Sub-prefeitura da Fazenda e Praia Brava;

14-Pavimentação da rua Artur Torquato Batista;

 

amanhã voltarei com mais obras….

Escrevi esse texto há meses: continua atual

novembro 11, 2015

Ajuste fiscal é o único caminho?

Tenho acompanhado o debate em torno do ajuste fiscal do governo, não tenho posição fechado sobre o assunto. Mais trago alguns pontos para a discussão, é importante ter presente que esse modelo de ajuste fiscal a Europa vem fazendo há cinco por lá e me parece que não adiantou em nada essa receita, até porque lá vem sendo feitos ajuste em cima de ajustes e a Europa não saiu do lugar, desemprego e recessão em sido a tônica.

Esse debate tem custado caro ao governo Dilma, a impressão que a sociedade tá tendo é que vai perder direitos, todos os dias sou questionado sobre isso. E aí que eu faço a ponderação, será que o ajuste fiscal é o único caminho?

Penso que a Presidenta tem o dever de sinalizar com outros pontos pertinentes, como por exemplo, reduzir o número de Ministério para 35, chamar todas as grandes empresas que tem contratos com o governo para darem sua contribuição reduzindo de 5% a 10% de seus lucros, só aqui o governo economizaria mais de 30 bilhões. Reduzir em 50% os custos com publicidade, apresentar uma reforma tributária progressiva, combater a sonegação que só esse se deixou de arrecadar mais de r$ 80 bilhões, taxar as grandes fortunas como todos os países devolvidos fazem, enfim há saídas imediatas como em longo prazo. Repito esse modelo que o Levy apresenta é o mesmo que há cinco anos a Europa vem fazendo, e por lá não surtiu o efeito esperado, precisamos estar atentos a ajustes que mexe com os trabalhadores esse parcela da sociedade que sempre esteve conosco, o governo não pode passar a imagem que temos dois governos. O da Dilma e o do Levy isso não ajuda a sair do embaraço econômico, apoiamos o governo sim, mais tenho o direito em discordar com pontos dessa reforma que não mexe com os grandes com nunca estiveram do nosso lado, agora é momento de aprovar medidas em que quem tem mais precisa contribuir com o equilíbrio econômico e social do País..